Barra de vídeo

Loading...

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Onde estão os universitários?









Hoje no final da tarde, eu perguntei ao professor Lourenço Madeiro quantos são os formosenses graduados e quantos estão matriculados em cursos de graduação universitária.
De pronto ele me respondeu que professores são setenta e cinco. Sobre outras áreas não disse e, como eu, também são sabe.
Mas, importa saber quantos são, o que fazem, e se estão trabalhando e vivendo em Baía Formosa-RN?
Respondo que sim, que é importante saber porque é uma mão-de-obra preciosa para o Município que, de alguma forma, contribuiu para o crescimento desse conhecimento, como me disse o professor Lourenço Madeiro.
E conhecimento é fundamental na afirmação da cidadania e no desenvolvimento humano. A sociedade ganha com a qualificação dos seus cidadãos.
Tivesse-se um planejamento para Baía Formosa e ter-se-ia traçado uma meta para qualificar o nosso recurso humano.
Que tal uma meta de 3%  de graduados em dez anos?
A considerar os 75 professores graduados, tem-se que se dizer que esse número representa menos de 1% do nosso universo populacional. É pouco, muito pouco.
Ainda assim é preciso perguntar: qual tem sido a retribuição do grupo universitário para o desenvolvimento político e social de Baía Formosa?
E qual tem sido o interesse das administrações municipais na absorção desse valioso recurso?

Baía Formosa, 26 de Fevereiro de 2018.
Dario Franco
Postar um comentário